Durante a meditação de hoje...

Eu falei que queria me lembrar das vezes em que fui lá no Rancho Alegre ou outro lugar que cuida dos animais, durante meu sono… aí um ser de luz me fez lembrar neste momento mesmo, não esperava isso… vi as imagens de mim lá… era uma fazenda bem aberta, grama verdíssima, tinha só uma árvore grande com tronco grosso, tinham vários cachorros diferentes… eu cuidava deles, tipo eu não precisava alimentar, dar água, banho… porque não precisavam de nada disso, era como se eu fosse a monitora e líder deles, eu recebia vários cachorros novos toda hora, era como se eu fosse a monitora espiritual deles, como um monitor de hotel faz. Recepciona, brinca, conversa… eu me comunicava muito bem com eles mentalmente, nos entendíamos muito bem, por isso que eu fazia isso. Talvez seja por isso também que eu tenho dificuldade em conviver e me comunicar com humanos… pois passei muito tempo fazendo isso… 

A Milu era um desses cachorros que eu cuidava lá… mas ela era uma das minhas especiais, diferente, que eu dava mais atenção, acho que porque estava doente, não sei, só sei que fiz algo muito bom para ela, ajudei muito… então, ao encarnar hoje, ela me veio pelo merecimento de tudo o que fiz para ela, agora para ela me ajudar aqui na Terra. E veio ela, não outro ser (animal, cachorro) dos que eu cuidava, porque ela tinha esse merecimento também de vir para mim para eu cuidar dela.

Por isso que eu sempre tive essa vontade de ter vários cachorros em casa, e era com a intenção de cuidar, brincar, se divertir (antigamente)… não queria pensar em alimentar, gastar dinheiro, cuidar da higiene… porque são coisas que eu não fazia lá, e não queria fazer aqui também. 


Então, isso significa que eu me comunico mentalmente com a Milu muito mais do que imagino e tenho ciência. Com as outras cachorras que tive também, mas muito mais com a Milu porque era a que eu já conhecia, tinha afinidade, as outras não conhecia muito bem, talvez eu não cheguei a cuidar delas lá, ou cuidei, mas não dei tanta atenção assim. 


Haviam gatos também que eu cuidava. Tipo, no começo desta vida eu não me interessava por gatos porque minha visão, minha consciência estava bloqueada para o lado espiritual. Só depois que comecei a estudar isso, é como se eu enxergasse algo mais nos gatos, porque agora eu estava ligada nisso, e eles são puramente espirituais, têm essa parte espiritual forte, isso fez com que, indiretamente, eles me chamassem atenção. Em relação aos cavalos também, ano passado, nas olimpíadas, fiquei interessada em ver o hipismo, coisa que nunca antes me interessava, pois fiquei sabendo que os cavalos são seres muito evoluídos também.


Pensei, se eu cuidava desse jeito de animais, por que nesta vida eu não me interessei em fazer isso também? Repetir o que eu fazia lá. Me veio a resposta de que nesta vida meu propósito não era esse, talvez em outras vidas eu realmente fiz um trabalho desse tipo, encarnada, mas hoje, era para eu fazer o que eu fiz, focar em escrever sobre os animais na espiritualidade. Por isso que tenho ainda esse desejo, essa vontade de estar rodeada de animais por perto. Mas hoje tenho outra missão aqui na Terra. Talvez, por isso que eu não lembro desse meu trabalho lá no plano astral, para eu não me influenciar, me lembrar do que eu gostava de fazer, para não desviar do meu propósito desta vida. Entendi. E talvez, por isso que só agora estou tendo essas informações, depois que eu já iniciei esse trabalho, me firmei nisso, me desenvolvi nisso. E agora tenho o direito de ter respostas para me ajudar, me esclarecer, porque eu iria entender e aceitar. 


Me veio a sensação de que lá, a Milu, era o cachorro ou a cachorra que eu "dormia" junto com ela, assim como faço hoje. 


(Insight/texto recebido por Paula Teshima) 

São Paulo, 26 de setembro de 2017 

E-mail:

contato@paulateshima.com

Whatsapp:

(11) 99881.0280

Seg - Sex: 14:00 - 00:00

​​Sábados: 14:00 - 19:00

​Domingos e Feriados: 14:00 - 18:00

  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
Para entrar em contato com a Paula ou sua equipe, utilize o formulário abaixo.

© 2009-2020 Paula Teshima - Todos os direitos reservados.