Quando Não Agradecemos o que Temos

Às vezes você quer tanto alguma coisa

E não consegue enxergar o agora

As coisas que já tem e vivencia

Se esquece de agradecer 

Tudo o que já conquistou

Tudo o que já batalhou

Tudo o que já enfrentou

Simplesmente se acomoda

Porque virou uma coisa normal

Uma conquista esquecida


Enquanto não agradecermos o que já temos

Nunca iremos merecer ter mais

Quando desejamos algo que não temos

Emitimos o sinal de carência, falta, escassez

E, ainda

Se não voltarmos a sentir gratos 

Com aquilo que já temos

Emitimos o sinal de ingratidão, desgosto, rejeição

É um ato inconsciente

Mas poderoso

E pode influenciar demais nos nossos resultados


Da mesma forma

Quem vive dizendo que nada está bom

Nada apetece, nada constrói, nada agrega

Quando está frio, queria que estivesse calor

Quando está calor, queria que estivesse frio

Quando mora em casa, queria morar em apartamento

Quando mora em apartamento, queria morar em casa

Quando há muita chuva, queria época de seca

Quando falta água, queria muita chuva

Ou seja

Nunca está contente com o que tem

Porque está enjoado ou não quer mais

Também está sendo ingrato com os acontecimentos

Claro que nada em excesso é bom

Mas o segredo é aprender a usar mais a palavra mágica:

Aceitação

Preferiria que fosse do meu jeito

Mas não é

Então, eu aceito

O sofrimento desaparece na hora!


Aprenda a se desapegar do seus desejos

De enxergar somente um resultado

Ser mais flexível e realista

Que aconteça o que tenha que acontecer

Para ter novas ideias, percepções, aprendizados

De quebra

Estará praticando também

A lidar melhor com suas emoções negativas

Frustração, ansiedade, apego...

Paula Teshima


São Paulo, 9 de março de 2019 

www.paulateshima.com

0 visualização

E-mail:

contato@paulateshima.com

Whatsapp:

(11) 99881.0280

Seg - Sex: 14:00 - 00:00

​​Sábados: 14:00 - 19:00

​Domingos e Feriados: 14:00 - 18:00

  • Instagram
  • Facebook ícone social
  • YouTube ícone social
Para entrar em contato com a Paula ou sua equipe, utilize o formulário abaixo.

© 2009-2020 Paula Teshima - Todos os direitos reservados.